Digger: The Legend of the Lost City (NES)

Apresente ou conheça um novo game!

Moderadores: orakio_rob, Goro's Lair, Sabat, Alexandre_Metal

Digger: The Legend of the Lost City (NES)

Mensagempor Cyberwoo » 17 Abr 2010, 13:59

Imagem
Olá meus caros leitores!
Hoje lhes trago um game lançado para Nes no ano de 1990 e que passou meio despercebido aqui no Brasil.
O pouco de informação que consegui coletar a respeito, diz que Digger: Legend of the lost city é considerado um game com um grau de dificuldade altíssimo, e após uma jogatina que me fez citar nomes muito feio, posso confirmar que esse game é difícil.

Imagem
Esqueçam Indiana Jones! Aqui estamos no controle de Digger T. Rock, que se aventura em tumbas no meio do nada, armado apenas com uma pá que também é seu instrumento de trabalho e apenas isso, sem comida, armas ou qualquer coisa que possa facilitar a vida. Logo concluímos que Digger tem muito mais testosterona que Harrison Ford e Richard Chamberlain juntos, e claro um nome muito mais cool. Há alguns itens que nos auxilia durante a jornada como, dinamite, escada de cordas e alguns outros que não recordo, mas logo adianto que a pá será sua fiel amiga a jornada toda, e podemos dizer que ela funciona melhor cavando do que esmagando insetos ou animais.

Dentro da caverna de Mumm-Ra
Temos a missão de desbravar o subterrâneo em busca de tesouros e tudo mais que uma grande descoberta tem a oferecer, parece fácil, mas ao jogar notamos que nosso herói precisará de muita, mas muita ajuda.
Imagine-se em uma caverna suja e empoeirada repleta de criaturas estranhas e tomada por mosquitos da dengue superdesenvolvido, que quanto mais você os mata, mais deles surgem para lhe atazanar, sendo eles os piores inimigos do game, depois me digam se estou errado.
Há também o medidor de tempo que surge logo depois de pressionar um pilar, que calcula o tempo que você tem até que a porta se fecha, e se isso ocorrer você terá de voltar até o pilar novamente.
Mas não se desespere o que acho difícil, já que em alguns momentos você se encontrará envolto de ataques incessantes da dengue, e acabará por cair em um bendito buraco que VOCÊ MESMO ABRIU, quando você começa a cair em algo que você mesmo cavou, tudo nos leva a crer que o game é foi programado pelo próprio Tinhoso.
Lara Croft choraria feito uma adolescente assistindo ao fim de caminho das índias, se estivesse na mesma condição de Digger, tem duvidas? Então tente enfrentar um T-Rex com uma pá (é isso mesmo que eu disse uma PÀ!)
E você reclama de enfrentar o T-Rex com duas pistolas seu fraco, após algumas partidas desse game, até crescerá cabelo no seu peito.
ImagemImagem
Funeral pra que?
Um dos detalhes mais interessantes do game é a forma como nosso protagonista morre, em outros games ele piscaria até sumir, saltaria sentido a tela com uma expressão engraçada, daria um gritinho duvidoso ou ficaria brilhando. Só que aqui o negócio é testosterona pura, Digger morre silenciosamente como um homem de verdade, e podemos ver o lapso de tempo mostrando o corpo se decompondo ,É os vermes os come literalmente, deixando apenas o capacete e suas vestes, é eu sei, tire as crianças da sala, imagino a reação das crianças na época, chorando incessantemente hahahaha!
Imagem
Conclusão
No inicio do game você chega a dar gargalhadas, pois tudo parece bem simples, mas depois de algumas fases você começa a notar o alto grau de dificuldade do game, um exemplo: Depois que pisar no pilar, você tem de fugir dos inimigos (ou tentar), escavar os lugares estratégicos para ganhar tempo, pegar diamantes e outras cositas e de quebra chegar antes que o tempo termine, fechando sua passagem para a próxima fase.
Uma criança normal teria um colapso nervoso sem duvida alguma com toda essa pressão, ou então sairia falando mais grosso que Barry White da frente da TV(depois de blasfemar incessantemente).
A trilha do game é ótima, tem todo aquele clima de enigma da pirâmide (alguém se lembra desse filme?), e você fica com ela na cabeça depois da jogatina, era o que se esperar de um game vindo da Rare.
Outro ponto a favor é os detalhes do protagonista que achei muito bem articulado, quando estiver escavando você nota o nível de detalhe e o cuidado com o protagonista, e una isso a um controle que responde maravilhosamente bem.

Digger: The legend of the lost city é mais um clássico perdido do Nes, que não teve sua devida atenção, mas fica a dica para os retrô gamers correrem atrás desse grande título que merece seu lugar ao sol.

Grande abraço e até a próxima.

FICHA TÉCNICA
Developer(s) Rare
Publisher(s) Milton Bradley
Designer(s) Rare
Composer(s) David Wise
Platform(s) NES
Release date(s) Fevereiro 1991
Avatar do usuário
Cyberwoo
 
Mensagens: 1
Registrado em: 16 Jan 2010, 17:38

Re: Digger: The Legend of the Lost City (NES)

Mensagempor Grandpa » 19 Abr 2010, 16:26

Eu me lembro vagamente desse jogo. Conheci ele através da emulação e gostei, tanto é que mantive a ROM aqui no HD.
Avatar do usuário
Grandpa
 
Mensagens: 787
Registrado em: 03 Nov 2007, 21:11
Localização: Dagobah


Voltar para Análises

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante


cron